SevenballShow

MENU

CURIOSIDADES ESPECIAL MISTERIOS ARTES FAMOSOS CINEMA TV | TEATRO TRYST 5X1 PHOTO GALLERY PET WORLD CARROS & MOTOS CIÊNCIA & TECNOLOGIA PLANETA ÁSIA COMUNICADOS

Follow Us in G+


Tigres não acumulam a poeira dos séculos; Tigres reinventam a vida todos os dias

Translate

Quero Matar Meu Chefe 2


Lançamento: 4 de dezembro de 2014 (1h48min) 
Direção: Sean Anders
Com: Jason Bateman, Charlie Day, Jason Sudeikis mais
Gênero: Comédia
Nacionalidade: EUA
Não recomendado para menores de 14 anos
Sinopse_Após o trauma vivido no filme anterior, os amigos Nick (Jason Bateman), Dale (Charlie Day) e Kurt (Jason Sudeikis) resolvem abrir seu próprio negócio, de forma que eles mesmos sejam seus chefes. O problema é que, quando a companhia começa a deslanchar, eles sofrem um golpe do investidor (Christoph Waltz) que bancou o negócio. Sem ter como recorrer através dos meios legais, o trio decide partir para um ato desesperado: sequestrar o filho do investidor (Chris Pine) e, com o dinheiro do resgate, pagar a dívida contraída e manter a empresa.
Análise_Ao ser lançado em 2009, Quero Matar Meu Chefe chamou a atenção pela junção da ideia clássica de comédias em torno de um chefe diabólico (no caso, três deles) com o estilo mais sacana de fazer piada, dominante no gênero na década atual. Até diverte, apesar de não ser um grande filme, muito graças às performances de Kevin Spacey (antes de House of Cards) e Jennifer Aniston (deixando a inibição de lado). Os US$ 209 milhões arrecadados nas bilheterias mundiais foram decisivos para que a Warner investisse em uma continuação, seguindo a velha ladainha de Hollywood de insistir (muito) naquilo que vem dando certo. Só que, além de desnecessário, Quero Matar Meu Chefe 2 é bem inferior ao original.

A trama acompanha os esforços do trio em lançar um novo produto no mercado, o Shower Buddy, um chuveiro que também faz massagem enquanto você está no banho.
É claro que, para justificar o posto de continuação, foi arrumado um meio de encaixar os personagens de Jennifer Aniston, Kevin Spacey e Jamie Foxx dentro da trama. Todos gratuitos, sem que haja a real necessidade de serem incluídos no roteiro. Por outro lado, a adição de Chris Pine ao elenco acrescenta bastante ao filme. Não apenas por ser ele o responsável pela virada que traz alguma graça à história, mas também por sua performance sarcástica, de longe a melhor do filme. Por outro lado, Christoph Waltz compõe um vilão bem tradicional e sem brilho.
Quero Matar Meu Chefe 2 é um filme que aposta firme na comédia pastelão, explorando também algumas piadas bem grosseiras, especialmente no início. Sem jamais empolgar, trata-se de uma comédia que tenta fazer graça a partir de situações repetidas e cansativas, que trazem um lado anacrônico: por mais que haja um lado sacana, traz também uma profunda ingenuidade na condução dos personagens principais.
Share on Google Plus

About SevenballShow !

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comments:

Postar um comentário