SevenballShow

MENU

CURIOSIDADES ESPECIAL MISTERIOS ARTES FAMOSOS CINEMA TV | TEATRO TRYST 5X1 PHOTO GALLERY PET WORLD CARROS & MOTOS CIÊNCIA & TECNOLOGIA PLANETA ÁSIA COMUNICADOS

Follow Us in G+


Tigres não acumulam a poeira dos séculos; Tigres reinventam a vida todos os dias

Translate

Terrier Escocês

O Terrier Escocês ou Scottish Terrier, é um excelente caçador de pequenos animais, foi criado na cidade de Aberdeen, na Escócia. Este pequeno terrier de pernas curtas é bem robusto e sua boca é exageradamente grande em relação ao corpo, possui dentes fortes, uma das maiores arcadas das espécies caninas.
Origem_A história do Terrier Escocês se confunde com a dos outros Terriers escoceses: o Skye Terrier, Carirn Terrier e o West Highland White Terrier. Estas três raças, atualmente consideradas independentes tiveram um passado em comum e eram conhecidas apenas como Aberdeen Terrier. Aberdeen é o nome de uma cidade escocesa, de onde estes Terriers eram populares. Até o final do século XIX, cruzavam-se os cães deste grupo entre si e era possível encontrar em uma única ninhada, exemplares dos vários tipos de Terrier. O único interesse era que estes cães desempenhassem sua tarefa de manter a casa livre de roedores. A luta para tornar o Terrier Escocês uma raça independente foi longa e polêmica. Em 1887 foi fundado o primeiro clube da raça, ironicamente, não na Escócia e sim na Inglaterra. Um ano depois da criação do "Scottish Club of England", os escoceses fundaram o "Scottish Club of Scotland. Décadas depois, os dois clubes entraram em acordo sobre a definição do padrão da raça e seu nome, Scottish Terrier, que foi aceito pelo Clube Kennel em 1930.
Temperamento_ Este magnífico Terrier é Leal e fiel. Digno, independente e reservado, mas corajoso e altamente inteligente. Valente, mas nunca agressivo. Tem um excelente senso de humor e é muito carinhoso com os donos.
O Scottish Terrier tem uma personalidade forte e é bastante genioso, por isso como com a maioria dos cachorros ele precisará de um proprietário que saiba ser firme desde filhote para que ele não queira se tornar o chefe da casa. A socialização precoce é muito importante na vida de qualquer cachorro e não é diferente para nosso amiguinho da raça Scottish Terrier. Esta é uma raça muito sensível que gosta de ser liderada e se você ensiná-la com carinho, firmeza e liderança, terá um ótimo cachorro em casa. No entanto, se você não tiver pulso firme com ele, o Scottish Terrier parecerá um cão teimoso.
Tamanho_ Macho: De 25 a 28 cm.| Fêmea: De 25 a 28 cm.
Peso_ Macho: De 8,6 a 10,4 kg.| Fêmea: De 8,6 a 10,4 kg.
Expectativa de vida_ de 12 a 15 anos.
Saúde_ Paralisia do scottish, é um problema de origem hereditária desta raça, apesar disto talvez o menos grave do ponto de vista do cão.Afeta cães normais que andam e se exercitam até que sejam submetidos a esforços estressantes. Com o aumento do esforço sua andadura começa a ficar estranha e cambaleante, podendo refletir diretamente na coluna cervical. Esta paralisia trava os músculos do cão de uma só vez, mas não deverá ser confundida com um surto de epilepsia, uma vez que o cão não perde a consciência nos casos em que a paralisia acontece, assim que o cão está descansado volta a se movimentar  O Scottish Terrier é muito resistente a doenças e dor, mas pode ser afetado pela doença de Von Willebrand ou problemas da tiroide, alergias e hematomas no ouvido. Quanto ao Hipotireoidismo: é algo comum de se acontecer, caracterizado pela baixa produção de hormônios da tireoide. Seus principais sintomas são a perda anormal de pelos, normalmente bilaterais e simétricos, pelo fraco e sem brilho, problemas de pele crônico, ou alérgicos, aumento de peso, infertilidade, fadiga, letargia e forte intolerância ao calor.
Cuidados_ Este raça de cachorros tem boa aceitação para viver em apartamento. Sua atividade é moderadamente ativas dentro de casa, prefere climas frios e irá viver muito feliz se tiver a sua disposição um pequeno jardim. O Scottish Terrier é uma raça de cães pequenos e ativos que precisam de duas caminhadas diária. As brincadeiras irão suprir boa parte da sua necessidade de exercícios, no entanto, como acontece com todos os cachorros, a brincadeira não irá satisfazer o seu instinto primitivo de caminhar. Cachorros que não caminham diariamente são mais propensos a apresentar problemas de comportamento.
Um escovação regular é muito importante para o Scottish Terrier, principalmente nos períodos de muda da pelagem. Os banhos, sempre acompanhados de uma secagem com secador, só deverão ser dados se necessário. A raça Scottish Terrier necessita de tosas regulares e este tipo de tosa deverá ser feito por um profissional capacitado ao menos duas vezes por ano.
Adestramento_ O treinamento de obediência é muito importante e deverá fazer parte do cotidiano do filhote desta raça, para estabelecer o lugar dele no grupo familiar. Não esqueça, nunca bata e nunca haja com agressividade com nenhum cachorro, mas em particular isso seria um desastre com um cachorro terrier. O Scottish Terrier que não for criado da maneira adequada, irá desafiar os membros da família que não estabeleceram sua liderança sobre ele. Um cachorro da raça Scottish Terrier possui uma grande inteligência aliada a um caráter forte e obstinado, que quando criado adequadamente resultam em um temperamento vivaz, alegre e extremamente confiável. Esta raça de cães gosta particularmente de cavar, e entre outras atividades gosta de passear, gosta de jogar bola, e pode ser considerado um cachorro esportista.
Share on Google Plus

About SevenballShow !

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comments:

Postar um comentário