SevenballShow

MENU

CURIOSIDADES ESPECIAL MISTERIOS ARTES FAMOSOS CINEMA TV | TEATRO TRYST 5X1 PHOTO GALLERY PET WORLD CARROS & MOTOS CIÊNCIA & TECNOLOGIA PLANETA ÁSIA COMUNICADOS

Follow Us in G+


Tigres não acumulam a poeira dos séculos; Tigres reinventam a vida todos os dias

Translate

Musa Fitness_Eva Andressa

Oooi, querido público masculino! Quando o blogger começou a implicar com quem postava fotos sexy, fiquei preocupada, pois não queria que a tag 5x1, dedicada a vocês, fosse extinta. Daí, resolvi postar sobre modelos saradas [ou não!], e acho que vai dar super certo, pois as visualizações estão vindo. Hoje trouxe para vocês [e para as admiradoras do Fitness, que vêem neste tipo de foto, motivação pra continuar malhando] a musa fitness Eva Andressa Vieira.
O começo_ Quando fez 17 anos, Eva Andressa decidiu turbinar o corpo. Magrinha, 1,64m de altura e 50kg, a curitibana sonhava com músculos tonificados e curvas torneadas. Hoje, aos 29 anos, tem mais de 4 milhões de seguidores no Facebook, quase 700 mil no Instagram, e quando sai às ruas dá autógrafos, faz fotos e selfies, com fãs... enfim é assediada por fãs de todo o mundo.
A trajetória_ Ela não faz novela, não participou de qualquer reality show e não é conhecida por algum escândalo. Mesmo assim, se tornou uma celebridade na internet, que a elegeu musa fitness, com registro e tudo. "Meus fãs votaram em mim, me deram este título. Só eu posso usá-lo", declara ela, alfinetando a também musa marombeira das redes sociais, Bella Falconi: "Não tenho nada contra ela, respeito o trabalho que faz. Mas a musa sou eu".


Eva Andressa tem 1,64m e hoje pesa entre 60kg e 62kg
Creio que esta foto é menos recente.
Até chegar ao posto conferido pelos internautas, suou o top. Em um ano de malhação, já havia notado uma mudança: "Em seis meses é possível ver os resultados, mas os meus foram muito bons em um ano. Quando percebi que a minha genética era boa e que meu corpo respondia rápido, pensei: 'Por que não competir?'", conta Eva, que foi bicampeã brasileira de fisiculturismo.
Quando competia, tinha uma dieta bem rígida e malhava todos os dias. Era uma atleta orgulhosíssima, mas acabou derrotada pela falta de incentivo. "Sou muito grata ao esporte, mas é difícil viver como atleta no nosso país. Só comecei a ganhar algum dinheiro sendo modelo fitness", justifica.
Para se tornar modelo na categoria, Eva teve que secar e montar uma outra série de exercícios. Hoje se alimenta basicamente de proteínas, frutas e verduras e, após às 18h, não ingere qualquer carboidrato. Gula só duas vezes ao ano, nas festas de dezembro, nas quais se permite um docinho. Os treinos também diminuíram e ela pesa hoje entre 60kg e 62 kg. "Malho três vezes por semana. O corpo precisa de um descanso. E mesmo assim são 50 minutos de musculação e pouco aeróbico porque tenho tendência a emagrecer.(o.0!) Ao todo dá uma hora e vinte minutos. Não sou neurótica com academia. Mas já fui quando treinava para competições. Hoje, sinto falta da endorfina do exercício", enumera ela, que tem 12% de gordura corporal e garante não tomar qualquer anabolizante.
Eva credita seu sucesso, com um séquito de fãs espalhados no mundo, à dedicação aos exercícios. "Acho que virei inspiração para as pessoas que querem mudar seu estilo de vida para um dia a dia mais saudável", [o que disse lá no alto?]. Diz que sonha em ter um quadro sobre bem-estar em um programa de TV: "Sempre quis ser conhecida e nada melhor do que poder falar sobre o que entendo".
Ela viaja pelo Brasil, Estados Unidos e alguns países da Europa fazendo palestras motivacionais e mostrando produtos de suplementação dos quais é contratada. Foi em um destes eventos que conheceu Fausto Silva, que brincou com ela dizendo que poderia ser bailarina em seu programa. "Fiquei lisonjeada e feliz, mas respeito demais o trabalho das bailarinas dele. Não seria leviana de entrar em um elenco de dançarinas sem ter o mínimo de experiência. Eu não faria isso".



Fonte: Ego. [editado, claro]

Share on Google Plus

About SevenballShow !

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comments:

Postar um comentário